Murphy é Foda!

Em casa de ferreiro o espeto é de pau, já ouviu falar dessa. Pois então, comigo não é diferente. Além disso quando Murphy tá de plantão, não tem santo que aguente.

Bom, neste exato momento, sou um cara, que quase (quase) perdeu TODOS os dados que armazeno/armazenei durante mais destes 20 anos (Meu Deus!) em que utilizo computadores. E por que o espeto é de pau?

Desespero

Bom, eu como bom profissional de segurança, sempre realizo/aconselho meus clientes a ter uma rotina sólida de backup, uma que abranja sincronizações diárias, ou semanais, e óbviamente arquivos mensais, anuais e se possível um morto.

Bom, tenho em meu laptop uma partição criptografada e 30Gb onde ficam TODOS os meus dados pessoais, financeiros, de clientes, projetos, fotos, etc… Como também não sou masoquista mantenho uma outra partição identica, também formatada em uma pequena case de HD que levo sempre comigo. Além disso, duas das pastas mais importantes, ficam/ficavam armazenadas em um cartão de memória que fica/ficava em meu Eee PC.

E onde entra Murphy? Bom, em menos de três dias, por uma soma de fatores perdi todos essas fontes.Como? Vendi o Eee PC porque comprei um Samsung NC10 (falo disso em outro post) e por isso apaguei os arquivos do cartão de memória. No dia seguinte o HD externo, começou a dar pau, tentando descobrir se era fisico ou se havia corrompido alguma coisa, resolvi apagar as partições existentes nele, e formatar novamente marcando eventuais setores defeituosos, e na pressa acidentalmente deletei o dispositivo virtual (descriptografado -> /dev/mapper/trucrypt) onde estavam os meus arquivos (originais). Logo depois disso o HD que estava morrendo, viu o que eu tinha feito e teve o final enfarte fulminante.

Perdi o chão, mesmo, me senti desesperado. 20 anos de trabalhos se foram num click errado somado a uma série de situações.

Bom, comecei esse post dizendo que eu era um cara que tinha, quase perdido tudo, isso porque, pasme, mas o que me salvou do total desastre, foram duas ações “erradas” que eu tomei no passado, recente e não tão recente. Primeira, como havia vendido o Eee PC para um amigo, confesso que esqueci de realmente deletar os arquivos, eu só deletei entendeu? Não? Bom então você não mexe com segurança. Realmente deletar é dar um wipe, ou executar um dd if=/dev/random of=/dev/XXX, ou algo semelhante. Dar um rm -rf não deleta, meio que deleta. No caso do cartão de memória que estava com FAT, finge que deleta.

Graças a isso recuperei as duas pastas mais importantes, razoavelmente atualizadas.

O outro pseudo-erro foi que há uns dois anos atrás sincronizei meus arquivos numa partição de outro HD externo que hoje fica no computador do meu filho, e esqueci de apagar, na verdade, achei que podia ser útil.

Ah se eu soubesse!!!

Bom o que fica de lição aqui é: Faça o que você fala, não o que você faz, seu mané. (No caso eu) Porra, depois que aconteceu, conversando com minha esposa, ocorreu a ela algo que nunca, absolutamente havia me ocorrido, e olha que eu tenho uma mente criminosa.

Ela me disse: – Perai, você tem os teus arquivos, faz backup num HD externo, que você leva na mala e os diretorios mais importantes, você leva no Eee PC, que geralmente também esta com você? Sim.

-Então o que acontece se você for roubado?

Fiquei com cara de trouxa, mas ei como eu sempre digo, consultor serve pra enxergar o que você não consegue enxergar dentro da tua empresa, ver as coisa sobre outra perspectiva.

Só nunca esperei receber/precisar de uma consultoria de Segurança da minha mulher que só usa o computador para navegar e jogar paciência.

HE HE. Toma Alberto!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s